O encanto poético de José de Abreu Albano

Em meio às brumas do tenpo surge a figura singular de José de Abreu Albano, poeta cujas palavras tecem um universo de encanto e emoção. Nascido em Fortaleza em 1882, era filho de familia nobre. A sua poesia ecoa como um rio serpeteando entre montanhas, fluindo como a pureza das águas cristalinas.

Desde sua infância, a sua jornada poética foi cativada pela magia das palavras, encontrando nos versos um refúgio para sua alma inquieta. Seus primeiros poemas eram como sementes lançadas ao vento, germinando em corações ávidos por beleza e reflexão.

Com o passar dos anos sua poesia amadureceu, ganhando profundidade e sutileza, como um vinho raro que se aprimora com o tempo. Creio que a natureza sempre foi a musa inspiradora de Albano, que enxergava na simplicidade das flores e nos mistérios das estrelas a essência da vida.

Seus poemas eram como jardins perfumados, que trazem no nascer da aurora o perfume agradável das flores, ao revelar a beleza do mundo. Nas noites estreladas, ele se perdia em devaneios poéticos, traduzindo em palavras o silêncio eloquente do universo.

O seu legado ficou claro. Hoje as suas palavras ecoam além das fronteiras do tempo, inspirando novas gerações a mergulhar no oceano profundo da poesia. O Seu legado é um testemunho da capacidade humana de transcender ao efêmero e alcançar a eternidade através da arte.

Que suas palavras continuem a ecoar como um hino à beleza e à verdade, guiando os passos daqueles que buscam na poesia um refúgio para a alma. Assim, José de Abreu Albano permancece imortalizado não apenas em versos, mas também nos corações daqueles que encontram nele um farol de luz e inspiração. Que sua poesia continue a brilhar como uma estrela guia, conduzindo os amantes da arte por caminhos da beleza e encantamento.

Marcos Abreu, é poeta e escritor brasileiro.

Marcos Abreu

Poeta, Escritor, Declamador de Poesias, interprete do cancioneiro em MPB e outros gêneros; cronista, contista, romancista. Nascido em Fortaleza-Ceará é autor das seguintes obras: "Poesias de um Poeta Louco"(1995), " Nas Teias da Poesia" (1997)-Editora Passárgada- Pernambuco-Recife "Retalhos Poéticos" Poesia Livro-2000 Cordéis Publicados: " A Revolução Humana" publicado pela Fraternidade Arte e Cultura-2011 " O Rouxinol e a Rosa" Literatura Infantil- Editora Flor da Serra-2016 " A Coisificação da Sociedade na pós-modernidade" " Versos de Ouro" Fecomércio-Senac-Sesc-IPDC Antologias: Poetas da Praça do Ferreira-Editado Pela BSG-Bureau de Serviços Gráficos-Editor- Márcio Catunda-2018 "Amor Música e Poesia" Editor: Antonio Pompeu. Romances: " O Louco e o Estado-Expressão Gráfica-Fortaleza-2019-Edição e Prefácio-Dimas Macedo

Mais do autor

Marcos Abreu

Poeta, Escritor, Declamador de Poesias, interprete do cancioneiro em MPB e outros gêneros; cronista, contista, romancista. Nascido em Fortaleza-Ceará é autor das seguintes obras: "Poesias de um Poeta Louco"(1995), " Nas Teias da Poesia" (1997)-Editora Passárgada- Pernambuco-Recife "Retalhos Poéticos" Poesia Livro-2000 Cordéis Publicados: " A Revolução Humana" publicado pela Fraternidade Arte e Cultura-2011 " O Rouxinol e a Rosa" Literatura Infantil- Editora Flor da Serra-2016 " A Coisificação da Sociedade na pós-modernidade" " Versos de Ouro" Fecomércio-Senac-Sesc-IPDC Antologias: Poetas da Praça do Ferreira-Editado Pela BSG-Bureau de Serviços Gráficos-Editor- Márcio Catunda-2018 "Amor Música e Poesia" Editor: Antonio Pompeu. Romances: " O Louco e o Estado-Expressão Gráfica-Fortaleza-2019-Edição e Prefácio-Dimas Macedo