DOMÍNIO

Tenho gaiolas
masmorras, grades, grilhões
Todo dia um combate de leões
Fugas de alçapões

Experimento modorras, sem alardes, serões
Movimento de conchas, voos, salvação
A hora de casulo e amplidão
Só eu posso sentir
Deixe-me seguir

Só eu crio minhas prisões e asas
Solidões e casas para o coração
Não me queira dizer sim ou não
Minha língua cala e fala
Meus sabores e saberes
E meu rito
Não precisam dos seus ditos
E quando eu quiser
Grito!

09/07/2024
Dora de Paula

Dora de Paula

Maria Auxiliadora de Paula Gonçalves Holanda, doutora em educação-UFC, mestre em Educação-UnB, Arteterapeuta- Instituto Aquilae, escritora e compositora.