jorge-viana

Ambiente de intolerância não combina com o Brasil, afirma senador Jorge Viana (PT-AC)

O senador Jorge Viana (PT-AC) disse que a conversa deveria ter ocorrido no final do ano passado, após a eleição.

“Se faz necessário um diálogo isento de vínculos partidários, que vise à continuidade das investigações sobre corrupção e à busca de soluções para a crise”.

“Acho que cabe à presidenta, na função que ocupa, um diálogo com chefes de Poderes. Acho que cabe a quem ocupa a função da Presidência da República procurar o diálogo, seja com quem for, pensando o país, o fortalecimento das apuração dos malfeitos, mas pensando essencialmente como vamos superar essa fase e fazer com que o Brasil siga em frente num ambiente ainda melhor”.

Jorge Viana ainda atribuiu o ataque à sede do Instituto Lula, em São Paulo, ao clima de intolerância que existe atualmente no país.

“Fico muito sentido de ver um país tão bonito como o nosso, que tem um povo fantástico, uma miscigenação, vivendo agora esse ambiente de absoluta intolerância. Eu não posso calar diante disso. Ainda bem que começaram a vir de todo os lugares da sociedade manifestações contra esse ambiente de intolerância, que não combina com o país, que não combina com nossa história, que não combina com nosso povo, que não combina com o ambiente em que nós vivemos”.

Heliana Querino

Heliana Querino

Heliana Querino - jornalista, pesquisadora, Pós- graduanda em Escrita Literária educomunicadora e colunista do Segunda Opinião.

Mais do autor - Twitter - Facebook - LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *