Podres de ricos

Trecho de artigo de André Araújo no Jornal GGN sob o título “Banco Central independente de quem?”:

“…Na hoje longa história do Banco Central do Brasil há dois periodos: de 1966 a 1994 o BC esteve a serviço do desenvolvimento economico do Brasil, de 1994 até hoje está a serviço do MERCADO FINANCEIRO. Hoje basicamante do Banco Itau, que arrendou o Banco Central como satélite do conglomerado.

É bem verdade que nos governos do PT o Banco Bradesco tinha poder superior ao Itau na regência do BC., são coisas da política e da simpatia.

Quando se fala HOJE em independência do Banco Central está se falando exatamento do quê?

TODOS os dirigentes do Banco Central a partir de 1994 vêm do MERCADO FINANCEIRO ou da Universidade e DEPOIS vão para o MERCADO FINANCEIRO com o cacife de ter sido Diretor do BC. A partir dai viraram MULTIMILIONÁRIOS ou BILIONÀRIOS, manipulando a conexão Banco Central. Estão ai Arminio Fraga que vendeu sua Gavea Investimentos para a J.P. Morgan (dizem por US$700 milhões), Gustavo Franco que vendeu sua Rio Bravo para chineses (dizem por US$200 milhões), Luis Fernando Figueiredo criou sua Maua Investimentos. Todos ficaram podres de ricos…”

segundaopinião

segundaopinião

SEGUNDA OPINIÃO é um espaço aberto à análise política criado em 2012. Nossa matéria prima é a opinião política. Nosso objetivo é contribuir para uma sociedade mais livre e mais mais justa. Nosso público alvo é o cidadão que busca manter uma consciência crítica. Nossos colaboradores são intelectuais, executivos e profissionais liberais formadores de opinião. O SEGUNDA OPINIÃO é apoiado pelo MOVIMENTO COESÃO SOCIAL.

Mais do autor