Outro juiz na política

O governador do Rio de Janeiro,  ex-juiz Wilson Witzel explica o afastamento do delegado que investigou o assassinato de Marielle Franco e Anderson: “O delegado Giniton não será exonerado. Trabalhou neste caso, acumulou muita informação e nós já estávamos trabalhando em um programa com a Itália e com os Estados Unidos. Como ele está com muita experiência adquirida e nós estamos com o intercâmbio com a Itália para estudar máfia, para estudar os movimentos criminosos ele vai fazer esta troca de experiência com a polícia italiana”

A jornalista Hildegard Angel criticou a ida do delegado Giniton Lages, no caso Marielle Franco, à Itália para fazer um programa de intercâmbio: “O descaramento é tão grande que só rindo. O delegado investiga, descobre e anuncia quem matou Marielle e, no mesmo dia do anúncio, mandam ele ir “fazer intercâmbio na Itália”. Será que chegou perto demais de quem mandou matar?”,

segundaopinião

segundaopinião

SEGUNDA OPINIÃO é um espaço aberto à análise política criado em 2012. Nossa matéria prima é a opinião política. Nosso objetivo é contribuir para uma sociedade mais livre e mais mais justa. Nosso público alvo é o cidadão que busca manter uma consciência crítica. Nossos colaboradores são intelectuais, executivos e profissionais liberais formadores de opinião. O SEGUNDA OPINIÃO é apoiado pelo MOVIMENTO COESÃO SOCIAL.

Mais do autor