Filhos, filhos, filhos são pedaços de nós que se mexem fora de nós. São lascas do nosso lenho que frondam em suas próprias raízes. São partes das nossas partes. Porém, antes de serem pedaços, lascas, partes são pequenos ‘vir-a-ser’ bebendo o carinho, sugando o leite, nutrindo-se da experiência dos pais. J Stélio

J Stelio

J Stelio

Artista plástico, Professor e Escritor.

Mais do autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.