Eles são fracos!

Quando você nasceu, eu tinha quatro anos e alguns meses.
Furamos o cerco da fome, da mortalidade infantil e do analfabetismo.
Hoje, já com cabelos brancos, olho para trás e vejo os caminhos espinhosos que percorremos com milhares de irmãos.
Os pés machucados e indolores, obedecem o ritmo dos nossos passos cheios de esperanças.
No presente, o solo é firme e nos convida a caminhar mais e mais.
Parabéns pra você, Lula. Você é o nosso líder. Você é forte e imbatível, mete medo nos fracos.
Vamos vencê-los!

Gilmar Oliveira

Gilmar Oliveira, Professor Universitário.