Vereadores e servidores da Câmara em Salvador confraternizam depois de fixar em lei garantias, benefícios e quitação de dívidas

Associação  dos servidores da Câmara Municipal de Salvador destaca avanços do Plano de Cargos e credita o fato ao presidente Paulo Câmara pelo projeto.

“Foi um processo longo com contribuição de representantes de todas as áreas da CMS. Antes, os servidores tinham seus direitos garantidos por decretos. Agora, foi elaborado um projeto de lei que será votado em Plenário e sancionado pelo Executivo. Isso nos dá segurança. Temos que destacar que esse plano teve a preocupação de aproveitar o que já havíamos conquistado anteriormente e nos aproxima de uma nova realidade”, destacou, Sidelmar Castro,  presidente da Ascam.

Sidelmar Castro apontou ainda os principais avanços como: o realinhamento das funções de confiança com a valorização técnica do servidor; a sedimentação das carreiras; a preservação dos direitos adquiridos e a ampliação das carreiras na CMS com a criação do cargo de especialista para as funções de médico, odontólogo, assistente social, psicólogo, enfermeiro, arquiteto, consultor jurídico e engenheiro.

“Nós sempre destacamos que os servidores é que dão continuidade ao trabalho da Casa. Esse plano dá segurança jurídica à gestão de pessoas e foi discutido de forma a contemplar a situação dos servidores novos e antigos. Agora vamos submetê-lo à aprovação dos colegiados e à votação em Plenário”. avaliou o presidente Paulo Câmara.
“Gostaria de registrar também que nesta gestão tivemos avanços importantes, como a garantia do auxílio-saúde em lei. É preciso fazer um reconhecimento da gestão do presidente Paulo Câmara, pois vejo que ele trabalhou com o intuito de construir a Câmara do futuro”. Sidelmar Castro também agradeceu, ainda, a Paulo Câmara por ter quitado uma dívida antiga da Casa com os servidores na ordem de R$9 milhões.

 

Heliana Querino

Heliana Querino

Heliana Querino - canivete suíço, jornalista, pesquisadora, educomunicadora, coordenadora de Cultura e colunista no SegundaOpinião.jor

Mais do autor - Twitter - Facebook - LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.