Senadora do PSB sugere que ANS age para beneficiar interesses dos Planos de Saúde

Foi lido em Plenário quarta-feira (11), pelo presidente do Senado Eunício Oliveira, requerimento de criação da Comissão Parlamentar de Inquérito para investigar os reajustes de preços dos planos de saúde autorizados pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). Os órgãos de defesa do consumidor alegam que os aumentos nos preços das mensalidades dos planos individuais e familiares é muito superior aos índices oficiais de inflação. A CPI foi pedida pela senadora Lídice da Mata (PSB-BA), que conseguiu as 27 assinaturas necessárias para sua criação.

A CPI será composta por 11 membros titulares e 6 suplentes e funcionará pelo prazo de 180 dias. Suas despesas serão limitadas ao valor de R$100 mil. Para a CPI ser instalada, é preciso agora que as bancadas partidárias indiquem os integrantes da comissão.

Lídice tem criticado a atuação da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), que estaria beneficiando mais os interesses das operadoras dos planos – autorizando aumento dos planos de saúde acima da inflação, por exemplo – do que os direitos dos consumidores. Segundo a senadora, o consumidor acaba obrigado a recorrer à Justiça para ter o seu direito garantido.

Agência Senado

segundaopinião

segundaopinião

SEGUNDA OPINIÃO é um espaço aberto à análise política criado em 2012. Nossa matéria prima é a opinião política. Nosso objetivo é contribuir para uma sociedade mais livre e mais mais justa. Nosso público alvo é o cidadão que busca manter uma consciência crítica. Nossos colaboradores são intelectuais, executivos e profissionais liberais formadores de opinião. O SEGUNDA OPINIÃO é apoiado pelo MOVIMENTO COESÃO SOCIAL.

Mais do autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *