Porquê

É única a força que reside no porquê. “Quem tem um porquê enfrente qualquer como”, dizia Frankl. Discordo. Acho que se aguenta quase qualquer como. Há uns que só dão dor de cabeça… é coisa de vira e mexe. O certo mesmo é que eu, fechado nos meus pensamentos, tento encontrar esse motivo, esse sim ao que virá, esse não deixar pra depois… esse. E encontro. Mas nem sempre.

Humor é sim e não. Um dia estou com um sim a tudo e a todos, sorrindo e distribuindo de mim. Noutro dia estou não inclusive pra mim mesmo. É assim. A gente se acostuma com os modelos típicos de sempre-sim e manda a julgamento os que dizem não. É assim. O que esquecemos: será se esse não é pra mim? É pro semáforo? Pro presidente? Acho que é só não… 

Nisso, tem também os porquês dos outros. Ah, claro. Porque você está sempre acima do outro, né? Ele não pode errar e nem mostrar fraqueza na tua frente; se fizer isso é uma pessoa do menos. Sinal negativo. “Cada qual com seus cada quais”, bem-diz alguém. É mais fácil mesmo. Meu problema é sempre maior e pior. O meu dia foi mais cheio. Minha música é mais ouvida. Minha comida é melhor. A gente vai ficando nisso de querer ser mais e acaba se esquecendo de ser. É triste, né?

Eu fico assim, olhando. O viver é incerto e duvidoso. Uma hora é e outra não é. Cabe a mim e você que restamos aqui construir. Fazer dos dias que vêm aí uma coisa mais legal. Uma coisa menos absurda. Fazer o que é possível pra ver se algo muda pra nós e pra eles. Fazer, sair do lugar. É preciso ir em busca, viu? Só assim pra gente ter nos dias o que tem nos sonhos; é preciso mesmo sonhar sempre.

Porém, tudo pode dar errado. E pode não dar. Melhor tentar do que não. Melhor ir do que ficar. Melhor correr do que andar. Melhor, por que?

Porquê.

David Augusto

David Augusto

Me conheço David e me reconheço todo dia. Sou estudante universitário, me viro por opistótonos e sou leitor-todo-dia. Acredito na essência do que vem e, sobretudo, no que o tempo e eu somos capazes. Tenho na mente o sê todo em tudo e em cada e no coração um quê de eternidade. Escrevo porque é o porquê.

Mais do autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.