Começando pelo fim

*Este texto é técnico e suscita reflexão e ajuda*.

Fogo, terra, água e ar, elementos básicos do Universo, existem independente de nomes ou definições. Nominá-los e defini-los no decorrer de milênios, foi um trabalho exaustivo e necessário, porém com resultados limitados, porque a linguagem é reducionista. Você é muito mais do que seu nome, ou sua profissão, ou sua afiliação, ou … .

Se procurássemos saber de Sócrates, 469 a.C, a definição de Coaching, ele que foi provavelmente o primeiro Coach do Planeta, talvez respondesse mais ou menos assim: “viva a vida de forma humana e intensa que você descobre”.

Você tem que penetrar na essência das coisas e senti-las e conhecê-las. O que se vê é uma representação do mapa mental de cada um. Saint-Exupéry estava certo: “A linguagem é a fonte dos mal entendidos”.

Na prática docente o certo é problematizar temas, dissecá-los mediante ampla discussão em sala, deixando que os discentes encontrem respostas para perguntas poderosas e, por último, as definições surgem num passo de mágica.

Procurando encurtar o caminho e possivelmente tornando-o mais longo para as mentes curiosas, puxei do google a definição da palavra Coaching que, pelo mau uso, está tão desgastada quanto a palavra Democracia. Estou, neste contexto, começando pelo fim.

“Coaching é um processo que visa aumentar o nível de resultados positivos de indivíduos, times ou empresas por meio do uso de técnicas e ferramentas por um profissional habilitado (o coach), em parceria com o cliente (o coachee)”.

Essa definição é elementar para quem tem formação sólida em Programação Neurolinguistica – PNL e Coaching, cuja base é a Psicologia Positiva, criada por Martin Seligman. Se você não tem esses conhecimentos procure enxergá-la com Cem Olhos de Argos que existe em toda pessoa inteligente ou interessada a fim de ser mais bem contemplado com a leitura.

PNL e Coaching, quando bem aplicados, resolvem dificuldades pessoais e profissionais de: relacionamentos, conflitos íntimos, fobias, auto-imagem, falta de foco, procrastinação, resolução de problemas, depressão … .

A maioria dos textos são informativos. Este, considerando o momento atual brasileiro (a pandemia dentro do pandemônio), tem um propósito maior: com as quatro coordenadas que apresento abaixo, quero provocar uma reflexão e eliminar algum desconforto / dor que você possa ter.

Todo indivíduo tem algum incômodo em grau maior ou menor. Pode ser um sentimento doído, um desejo insatisfeito, um mau hábito que incomoda, um sonho inconfessável, uma doença que preocupa, um bem material que falta … isso é universal.

COORDENADAS QUE ORIENTAM COMPORTAMENTOS:

1.Quero e Tenho | 2.Quero e Não Tenho | 3.Não Quero e Tenho | 4.Não quero e Não tenho. |

Pegue uma folha de papel, faça quatro colunas e preencha uma de cada vez com atenção. Não tenha pressa. Lembre-se: pode ser um sentimento doído, um desejo insatisfeito, um mau hábito que incomoda, um sonho inconfessável, uma doença que preocupa, um bem material que falta … . É um inventário da sua vida. Suas dores e alegrias estão aí.

*Vou exemplificar usando a coluna 2 e a coluna 3*. 

Veja a coluna 3 = *Não Quero e Tenho*. Você *não quer obesidade* e *tem obesidade*. Isso lhe causa desconforto, certo? Quanto a esse problema você se torna uma pessoa passiva e reativa, sem força suficiente para agir e se livrar do que você *não quer*. Daí decorre o fato de começar dieta e parar. Isso faz sentido pra você?

Agora observe a coluna 2 = *Quero e Não Tenho*. Você *quer liberdade* e *não tem liberdade*. Isso lhe causa dor, correto? Quanto a esse problema você se torna proativo, com energia suficiente para conquistar o que você quer, a liberdade. Faz sentido pra você?
Quem nunca fez algo fora do padrão, arriscando-se até, para sentir-se livre?

Coaching e PNL eliminam a maioria dos sofrimentos que as pessoas têm nas suas vidas pessoal e profissional.

Se você tiver alguma dificuldade, conte comigo. Posso presentear-lhe com uma sessão de Life Coach via whatsApp.

Comecei pelo fim, mas espero ter levado você a uma reflexão sobre a sua vida e engatilhado o começo de um viver melhor e mais feliz. Você merece!

Gilmar Oliveira

Gilmar Oliveira

Gilmar de Oliveira, Professor Universitário.

Mais do autor

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.