ÁGUA, LÚPULO E CEVADA

A cerveja é um complexo composto químico
Nascido de um emaranhado entrançado
De uma viva colônia paciente e urgente
Uma mínima forma que domina o tempo
Do qual em determinado momento da história
O sr. Vicente Monteiro tirou seu sustento
Seu protesto e sua revolta social
A cerveja é um líquido
Que se esvai, que escorre
Na urina indiferente e fisiológica
O pequeno rio ácido denso e concentrado
De homens e mulheres
A tola tristeza dos que sobram, mas
“Sícilo, filho de Euterpo, vive”

Ilustração Freepik

Airton Uchoa

Escritor, leitor e sobrevivente.