telmario-mota

Violência sem controle: o Estado não consegue proteger o cidadão, diz senador do PTB

O senador Telmário Mota (PTB-RR) demonstrou preocupação com o aumento da violência no país. Em pronunciamento nesta terça-feira (6) ele disse ser incompreensível que somente nos cinco primeiros meses de 2017 tenham sido mortos mais cidadãos no Brasil do que em atentados terroristas no mundo em 2015.

Telmário fez referência ao Atlas da Violência divulgado pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), que apresentou uma taxa de homicídios de 28,9 a cada 100 mil habitantes, representando aumento de 10,6% desde 2005.

Para Telmário Mota, embora o Congresso já tenha contribuído para uma mudança deste quadro por meio da Lei do Desarmamento, os bandidos não ficaram desarmados. Ao afirmar que a polícia não tem condições de garantir a segurança da população, o senador defendeu a redução da burocracia para que cada pessoa possa se proteger.

– O Estado brasileiro, os estados, a polícia perderam a capacidade de garantir a nossa vida, a nossa segurança. O cidadão tem o direito de se proteger igualitariamente. Portanto, a arma não só pode valer para o criminoso, tem que valer para o cidadão do bem – afirmou o senador.

Agência Senado

segundaopinião

segundaopinião

SEGUNDA OPINIÃO é um espaço aberto à análise política criado em 2012. Nossa matéria prima é a opinião política. Nosso objetivo é contribuir para uma sociedade mais livre e mais mais justa. Nosso público alvo é o cidadão que busca manter uma consciência crítica. Nossos colaboradores são intelectuais, executivos e profissionais liberais formadores de opinião. O SEGUNDA OPINIÃO é apoiado pelo MOVIMENTO COESÃO SOCIAL.

Mais do autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *