Situação de Michel Temer é uma vergonha para o País, diz senadora do PT

A senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) disse não ser mais possível para o Congresso seguir com a discussão das reformas trabalhista e da Previdência diante da crise política que o Brasil atravessa.

Gleisi salientou que, pela primeira vez na história, um presidente da República é denunciado pela Procuradoria Geral da República por crime comum no exercício do cargo. Ela classificou a situação que envolve Michel Temer como “uma vergonha para o país”.

Ao declarar que a reforma trabalhista (PLC) 38/2017 somente prejudica os trabalhadores, a senadora afirmou que até mesmo os aliados do presidente têm pedido mais tempo para debater a matéria. “A vida de milhões de pessoas está sendo definida em menos de dois meses”, criticou a parlamentar.

— Quero dizer aqui que não dá para gente ficar discutindo como se tudo estivesse normal, quando não está normal. Não está normal. Nós temos que debater aqui, temos que debater aqui os direitos dos trabalhadores.

Agência Senado

segundaopinião

segundaopinião

SEGUNDA OPINIÃO é um espaço aberto à análise política criado em 2012. Nossa matéria prima é a opinião política. Nosso objetivo é contribuir para uma sociedade mais livre e mais mais justa. Nosso público alvo é o cidadão que busca manter uma consciência crítica. Nossos colaboradores são intelectuais, executivos e profissionais liberais formadores de opinião. O SEGUNDA OPINIÃO é apoiado pelo MOVIMENTO COESÃO SOCIAL.

Mais do autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *