Entre a palavra e o grito

Trecho de crônica semanal do escritor Luis Fernando Veríssimo:

“…O debate acabou sendo entre a palavra e o grito. A palavra cheia de si dos juízes contra o grito de protesto das ruas.

Os juízes foram enfadonhos, mas meticulosos e didáticos, as ruas foram desorganizadas, desarticuladas e desafinadas.

Milhares andando e gritando nas ruas em favor de Lula não tiveram a loquacidade de três juízes nas suas cadeiras macias.

As palavras dos juízes abafaram os gritos da rua. Não era preciso nem levantar a voz. Foi covardia.

Não sei como costuma ser a liturgia em casos como o do julgamento do dia 24, mas imagino que os advogados de defesa participem das sessões para argumentar em favor dos seus clientes.

Argumentar, teoricamente, é tentar convencer, é esperar uma resposta, nem que seja por simples cordialidade.

Os juízes do dia 24 já tinham seus votos prontos e sincronizados…”

segundaopinião

segundaopinião

SEGUNDA OPINIÃO é um espaço aberto à análise política criado em 2012. Nossa matéria prima é a opinião política. Nosso objetivo é contribuir para uma sociedade mais livre e mais mais justa. Nosso público alvo é o cidadão que busca manter uma consciência crítica. Nossos colaboradores são intelectuais, executivos e profissionais liberais formadores de opinião. O SEGUNDA OPINIÃO é apoiado pelo MOVIMENTO COESÃO SOCIAL.

Mais do autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *